Muitos pacientes que começam a sentir algum desconforto no joelho ou querem manter o joelho saudável por mais tempo perguntam se existe algum remédio que proteja essa articulação.
A glucosamina e a condoritina são compostos chamados condroprotetores, ou seja, destinados a proteger as cartilagens das articulações.
A lógica por trás desses compostos é que a condroitina age impedindo a degradação da cartilagem, enquanto a glucosamina estimula o metabolismo de condrócitos e sinoviócitos. Além disso, essa combinação possivelmente apresenta efeitos anti-inflamatórios.
Apesar das evidências, em estudos de laboratoriais e em modelos animais, favoráveis a esses compostos como protetores da cartilagem, as evidências de estudos em humanos são menos robustas, havendo até mesmo entidades que têm recomendações contrárias ao uso dessas substâncias.
Mas é possível ter uma perspectiva mais otimista. Se não existe evidência forte favorável ao uso desses medicamentos, também não existe evidência alguma de que eles façam mal. E ainda, muitos pacientes ficam bastante satisfeitos com os resultados obtidos quando fazem uso correto de glucosamina e condroitina.
Dessa forma, é possível considerar o uso desses condroprotetores como uma alternativa a ser considerada no tratamento conservador dos quadros leves e moderados de artrose.

Quer saber um pouco mais sobre condroprotetores, indicações para o seu caso em específico, ou outras opções de tratamento para artrose no joelho? Agende a sua consulta.

A Clínica Morumbi fica localizada dentro do Shopping Morumbi e tem profissionais especializados em Ortopedia e Geriatria.